Notícias

Zema diz que regularizar salários dos servidores é prioridade com recursos da Lei Kandir

Por Redação, 03/08/2019 às 14:03
atualizado em: 03/08/2019 às 14:27

Texto:

Foto: Gil Leonardi
Gil Leonardi

Em entrevista coletiva neste sábado, o governador de Minas, Romeu Zema (Novo), disse que se os recursos relacionados à Lei Kandir vierem para o estado, será prioridade o pagamento integral dos salários dos servidores públicos. O chefe do Executivo estadual está em Sete Lagoas, na Região Central, onde participou do lançamento da pedra fundamental, da cervejaria Ambev.

Na segunda-feira (5), o governador e o presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), Agostinho Patrus (PV), vão a Brasília para uma audiência no Supremo Tribunal Federal (STF) em que cobrarão do governo federal os recursos da Lei Kandir, por causa da isenção do ICMS e de produtos de exportação, como o minério. A dívida é de aproximadamente R$ 135 bilhões.

“A prioridade é melhorar a escala de pagamento. Nós ainda temos funcionários públicos que não receberam o décimo terceiro. Temos funcionários públicos recebendo parcelado. A prioridade é com aquelas pessoas que precisam ter os compromissos regularizados. Tem pessoas que pagam o financiamento da casa própria, e com esse desarranjo do estado, acabam tendo uma dificuldade grande”, destaca.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    As informações sobre a semana e os eventos serão transmitidos nas redes sociais do ministério e da Secretaria Nacional da Juventude.#Itatiaia

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    ⚽️Técnico do América não poupou críticas à atuação do juiz Felipe Fernandes de Lima no clássico contra o Atlético. #itatiaia

    Acessar Link