Notícias

Sampaoli explica mudanças no intervalo que fizeram diferença para Galo melhorar e vencer

Entrada de Nathan no lugar de Allan e Igor Rabello na vaga de Guga alterou o esquema tático e time passou a atacar mais

Por Redação, 20/09/2020 às 06:00
atualizado em: 20/09/2020 às 16:05

Texto:

Foto: Pedro Souza/Atlético
Pedro Souza/Atlético

Na vitória por 4 a 3, de virada, sobre o Atlético-GO, nesse sábado (19), no estádio Olímpico, em Goiânia, o Atlético teve uma atuação que pode ser dividida em dois tempos distintos. Se o time não foi muito bem na etapa inicial, errando passes e não conseguindo dominar o adversário, no segundo tempo, com as mexidas do técnico Jorge Sampaoli, a equipe melhorou, marcou quatro gols e saiu com os três pontos que fez o Galo assumir a liderança do Campeonato Brasileiro.

No intervalo, Sampaoli fez logo duas alterações, tirando Guga para colocar Igor Rabello (impondo mais altura pelo lado direito da defesa) e sacando Allan para a entrada de Nathan, que sofreu o pênalti que gerou o empate do Galo logo no início da etapa final com Keno e ainda marcou o segundo gol do Galo. A intenção do treinador foi alterar o esquema tático para atacar com mais jogadores.

“Modificamos a estrutura porque no primeiro tempo não tínhamos sido superiores tanto tempo. Tentei corrigir um pouco o setor direito colocando bastante altura. Mudamos o sistema (de jogo) para ter mais volume de ataque no 3-2-5 e no 3-1-6. Se tem a possibilidade de acertar ou errar (com essa alteração). Hoje, deu certo”, declarou o treinador.

Sampaoli detectou os problemas do Atlético no primeiro tempo e viu um time mais criativo na etapa final. “Foi uma partida em que começamos mal, com pouco controle do jogo nos primeiros 20 minutos. O rival nos dominou com pressão e encontrou um gol. Depois tentamos reagir nos últimos 15 a 20 minutos. Conseguimos marcar um gol (com Savarino), mas estava impedido. No segundo tempo, tivemos mais volume de ataque, a equipe criou muito mais chances e marcou quatro gols. Tivemos um segundo tempo superior ao primeiro”, frisou.

Com a vitória de virada, o Galo assumiu a liderança do Brasileirão, com 21 pontos, um a mais que o Internacional, que perdeu para o Fortaleza também nesse sábado, no estádio Castelão. O time alvinegro não poderá ser ultrapassado nesta rodada nem mesmo pelo São Paulo, que tem 18 pontos, pois a equipe paulista tem dois triunfos a menos.

Agora, o Atlético terá mais uma semana cheia para descansar e treinar. O próximo compromisso da equipe alvinegra será no outro sábado (26), às 21h, diante do Grêmio, no Mineirão.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'O projeto introduz dispositivos claros e objetivos, com penalidade para aqueles que prestarem informações falsas ou deixarem de executar as medidas compensatórias', defend...

    Acessar Link