Notícias

Justiça mantém condenação a advogado que espancou ex-namorada em Belo Horizonte

Por Redação, 22/08/2019 às 18:05
atualizado em: 22/08/2019 às 18:13

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Foto: Arquivo pessoal
Arquivo pessoal

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais manteve, em segunda instância, a condenação de 2 anos e 4 meses de prisão do advogado criminalista Demetrio Antonio Vargas de Mattos por lesão corporal contra uma ex-namorada em julho de 2014. A decisão foi publicada nesta quinta-feira.

O homem também é suspeito de agredir outras seis mulheres e cometer uma tentativa de feminicídio. Ele não pode pedir progressão de pena porque descumpriu uma medida protetiva contra uma vítima.

A mulher agredida no caso julgado afirma que, no início do namoro, o advogado não aceitou o fim da relação. “Ele chegou a falar comigo que ele era muito mimado e não aceitava ‘não’ como resposta. Ele me esperou na escada do meu prédio e quando eu fui abrir a porta ele me deu um soco. Eu caí, ele veio com uma voadora e pisoteou a minha cabeça. Eu contei 22 chutes até desmaiar. O porteiro me socorreu”, conta ela, que disse ter sofrido fraturas múltiplas na cabeça e sequela no fígado.
 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Reportagem da Itatiaia ouviu o relato de sofrimento e luta pela sobrevivência de pessoas que vivem na extrema pobreza em Belo Horizonte #itatiaia

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    De acordo com o Sindicato, o número de passageiros é, atualmente, 60% menor do que antes da pandemia. Você, que utiliza ônibus, está notando isso no dia a dia? #itatiaia

    Acessar Link