Unimed - Viver Bem - Internas - Maxiboard

Notícias

Saiba como evitar doenças da voz, instrumento de trabalho para 70% da população do Brasil

Por Jacqueline Moura, 02/05/2018 às 17:17

Texto:

Nesta segunda-feira é comemorado o Dia Mundial da Voz, instrumento de trabalho de cerca de 70% dos brasileiros. A data serve para alertar a população sobre doenças e destacar a importância de cuidar da voz.

O Brasil é o segundo país em incidência do câncer de laringe e, neste ano, o Instituto Nacional do Câncer (Inca) estima 6 mil novos casos da doença no país. Profissionais de saúde destacam a importância do diagnóstico precoce para uma boa resposta ao tratamento.

A fonoaudióloga (especialista em voz) Jussara Dolabella afirma que os cuidados com a voz deve ser uma preocupação de todos, e que o desconhecimento sobre eles pode contribuir para o surgimento de doenças na laringe. “A falta de cuidado pode ocasionar doenças como o edema (inchaço nas pregas vocais), nódulos (calos), pólipos, entre outros. É preciso estar atento a sintomas como rouquidão, cansaço vocal, tosse, dor para falar, ardência e pigarro, pois eles podem indicar a presença de doenças mais graves, inclusive o câncer de laringe” explica.

Já estamos no outono e, nesta estação do ano, os cuidados devem ser intensificados, pois o tempo frio e seco favorece aos problemas na voz. A hidratação, principalmente com água, evita o ressecamento das pregas vocais.  

As pessoas que usam a voz como instrumento de trabalho devem redobrar os cuidados, já que os fatores ambientais e as condições de trabalho, como o uso excessivo, aumentam o risco de alterações.

Os exercícios vocais podem ajudar, como explica Jussara. “Assim como os atletas cuidam do seu condicionamento físico, os profissionais da voz devem acrescentar ao seu dia a dia exercícios específicos de condicionamento, aquecimento e desaquecimento vocal”.

Em casos de rouquidão, tosse persistente, pigarro, dor na garganta, dor para falar ou engolir, deve-se procurar um otorrinolaringologista ou um cirurgião de cabeça e pescoço. 

Confira dicas de Jussara:

• beber água regularmente, ao longo do dia;
• manter uma alimentação saudável e regular para ajudar a evitar o refluxo, que é prejudicial à laringe e às pregas vocais;
• falar sem esforço e evitar falar por longos períodos de tempo sem intervalo;
• não gritar ou falar frequentemente em forte intensidade;
• reduzir a fala em situações de gripe, resfriados ou crises alérgicas;
• não fumar;
• não ingerir bebidas alcoólicas em excesso;
• não se automedique. Em caso de rouquidão persistente (que durar mais de 15 dias), procure um otorrinolaringologista e um fonoaudiólogo.

Escreva seu comentário

Preencha seus wdados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Depois da Copa do Mundo, a bola já volta a rolar hoje com o Cruzeiro na Copa do Brasil, saiba os preparativos do Am… https://t.co/LDq2RVfVO2

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Atacante foi oficializado neste domingo como novo reforço do Shandong Luneng, da China

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Se passar pelo Atlético-PR, nesta segunda-feira, pela Copa do Brasil, o time celeste fará 14 partidas no período de 45 dias

    Acessar Link