Notícias

Ministério Público abre investigação para apurar possíveis irregularidades no Cruzeiro

Por Redação, 26/06/2019 às 16:24
atualizado em: 26/06/2019 às 17:46

Texto:

Foto: Vinnicius Silva / Cruzeiro
Vinnicius Silva / Cruzeiro

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) abriu investigação criminal para apurar possíveis irregularidades praticadas pela atual diretoria do Cruzeiro. Em nota, o órgão afirmou que “as investigações estão em fase inicial”. Em contato com a Itatiaia, a assessoria do MP disse não ter mais informações sobre o assunto.

Em nota, o Cruzeiro informou que o clube "está, como sempre esteve, à disposição das autoridades para prestar os esclarecimentos necessários a respeito de suas atividades e reitera que esta gestão não cometeu nenhuma irregularidade, respeitando sempre a legislação vigente no país."

A atual diretoria do Cruzeiro já é alvo de uma investigação da Polícia Civil de Minas Gerais. De acordo com reportagem do ‘Fantástico’, da TV Globo, exibida no dia 26 de maio, a polícia instaurou inquérito para apurar denúncias de supostas irregularidades envolvendo a venda de direitos econômicos de jogadores da base e do time profissional a um empresário não ligado ao futebol, além de indícios de pagamentos suspeitos, falsificação de documento particular, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro.

O inquérito se baseia em um balancete contábil analítico do Cruzeiro, que mostra pagamentos feitos pelo clube ao longo de 2018. A reportagem do ‘Fantástico’ teve acesso ao documento e ainda obteve quase 200 páginas de contratos e planilhas de controle interno. Segundo a matéria, os investigadores da Polícia Civil já ouviram 15 pessoas, entre funcionários e ex-funcionários do Cruzeiro, além de dirigentes e prestadores de serviços.

Pedido de afastamento

No último sábado (15), Zezé Perrella divulgou uma nota pedindo o afastamento do presidente do clube, Wagner Pires de Sá, e de outros diretores, até que terminem os trabalhos da comissão de sindicância. "É indubitável que passamos pela mais grave crise institucional da nossa história e não me sinto confortável em ficar alheio a isso. O Cruzeiro saiu das páginas de esporte para estar nas páginas policiais, sendo inclusive alvo de investigação em curso na Polícia Civil mineira", diz uma parte do comunicado.

"Diante disso, e certo que, repito, o Cruzeiro é VÍTIMA e não autor de todos esses fatos, que requeiro ao Presidente do Cruzeiro Esporte Clube que ele e todos seus diretores envolvidos nos fatos acima citados se afastem imediatamente de seus cargos pelo menos até o fim da Sindicância, de forma a minorar os já incontáveis prejuízos que o Clube vem sofrendo. Esta seria uma medida de grandeza da parte dos mesmos para de reconhecer que, agora, o melhor para o Cruzeiro é isso e, sem dúvidas, o que todos querem é o melhor para o Clube", acrescentou Perrella.

Pouco depois da nota de Zezé Perrella, o presidente do Cruzeiro, Wagner Pires de Sá, também em um comunicado, rebateu o posicionamento do presidente do Conselho e afirmou que o pedido de afastamento é "irresponsável" e "movido por interesses políticos".

O mandatário celeste afirmou que vem fornecendo a documentação solicitada pela sindicância e que, por isso, estranhou o pedido de afastamento feito por Zezé. "A atual direção recebe com muita estranheza o conteúdo da nota do Presidente do Conselho Deliberativo, sobretudo em razão de que a Diretoria do Clube tem tomado todas as providências necessárias para apurar eventuais equívocos no decorrer da administração, inclusive fornecendo toda a documentação solicitada pela sindicância interna", disse.

Wagner garantiu ainda que não irá atender ao pedido de Zezé: "O certo é que a atual administração do Cruzeiro trabalha arduamente em benefício da instituição e não admitirá a manipulação política como instrumento de afastamento dos seus dirigentes, que somente poderia ocorrer na forma da lei vigente e do seu Estatuto Social, circunstâncias estas que não ocorreram."

Reuniões extraordinárias

Em comunicado aos conselheiros, Wagner Pires de Sá agendou uma reunião para o dia 8 de julho com o objetivo de esclarecer as acusações de irregularidades na atual gestão.

Na última segunda-feira (17), Zezé Perrella já havia marcado para o dia 5 de agosto uma reunião extraordinária dos conselheiros para decidir pela saída ou não de Wagner Pires de Sá e dos outros membros da direção.

Presidente na PF

O presidente Wagner Pires de Sá também passou a ser alvo da Polícia Federal. No último dia 18, o mandatário celeste foi intimado a depor como testemunha em inquérito da Operação Escobar, que investiga lavagem de dinheiro e desvios de recursos para outros dirigentes do clube. A operação é um desdobramento da Capitu, que prendeu Ildeu da Cunha Pereira e outras 15 pessoas por suposto esquema de corrução no Ministério da Agricultura durante o governo Dilma.

No último dia 5, dois conselheiros do Cruzeiro foram presos: o advogado Ildeu da Cunha Pereira e o ex-servidor da PF Marcio Antonio Camillozzi Marra, que recentemente foi nomeado para fazer parte da comissão provisória que apura as denúncias de irregularidade no clube. Os dois estão entre os 18 conselheiros que recebem pagamentos por trabalharem ou prestarem serviços para o Cruzeiro. 

Na saída da sede da PF, Wagner Pires foi abordado sobre a ligação do clube com os advogados presos. O presidente se limitou a dizer que "o Cruzeiro tem contrato com mais de mil advogados". 

 As investigações contra os acusados tiveram início após a PF encontrar documentos sigilosos da operação Capitu na casa de Andrea Neves.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    A fome das pessoas que moram na cidade onde o presidente passou a infância e a juventude https://t.co/xC4jqDDwcK https://t.co/BYa5Xg3HKN

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    De acordo com informações da PM, militares do batalhão Rotam faziam operação em um ponto de tráfico de drogas na avenida Central e foram recebidos a tiros.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    A fome das pessoas que moram na cidade onde o presidente passou a infância e a juventude https://bit.ly/2Y9zrPd

    Acessar Link