Auto Truck CPM Interno

Notícias

Galo é multado por objetos atirados em campo no clássico na Copa BR; Alerrandro é advertido

Por Redação, 21/08/2019 às 17:48
atualizado em: 21/08/2019 às 19:30

Texto:

Foto: Wellington Campos/Itatiaia
Wellington Campos/Itatiaia

Em julgamento realizado nesta quarta-feira, no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), o Atlético foi multado em R$ 20 mil pelos objetos arremessados em campo no clássico contra o Cruzeiro, no dia 17 de julho, no Independência, pelas quartas de final da Copa do Brasil. O clube alvinegro corria o risco de perder até 10 mandos de campo, mas escapou da punição.

O Atlético foi julgado no artigo 213, incisos I (deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir: desordens em sua praça de desporto) e III (lançamento de objetos no campo ou local da disputa do evento desportivo) e no artigo 184 pelas repetições dos atos.

Ouça as entrevistas com os advogados de Atlético e Cruzeiro com o repórter Wellington Campos

O árbitro da partida, Flávio Rodrigues de Souza, relatou que vários objetos foram atirados no campo pela torcida atleticana em três momentos distintos do jogo, vencido pelo Galo por 2 a 0, mas que deu a vaga nas semifinais ao Cruzeiro, que havia ganhado por 3 a 0, no Mineirão.

Expulso no jogo, o atacante Alerrandro também esteve no banco dos réus do STJD nesta quarta-feira. O avançado alvinegro foi apenas advertido por ter se estranhado com David, do Cruzeiro. Já o jogador celeste foi punido com uma partida, já cumprida na Copa do Brasil. Ambos foram julgados no artigo 254-A (praticar agressão física durante a partida, prova ou equivalente) e corriam o risco de serem suspensos de quatro a 12 partidas.

David pega um jogo de gancho por expulsão no clássico da Copa BR e está liberado para encarar Inter

*Com informações de Wellington Campos

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link