Notícias

Após 100% de aproveitamento nos pênaltis, Victor comemora: ‘Algo inédito na minha carreira’

Por Redação/Agência Estado, 29/05/2019 às 00:49
atualizado em: 29/05/2019 às 00:58

Texto:

Foto: Bruno Cantini/Atlético
Bruno Cantini/Atlético

Pouco exigido ao longo dos 90 minutos, Victor foi o grande responsável pela classificação do Atlético às oitavas de final da Copa Sul-Americana. Após a vitória por 1 a 0 no tempo normal, o goleiro brilhou na disputa por pênaltis ao defender as três cobranças executadas pelos jogadores do Unión La Calera, do Chile. Depois do jogo, o camisa 1 alvinegro celebrou o feito inédito na sua carreira.

“Feliz pela classificação, pelas três defesas, algo inédito na minha carreira, coisa que, até então, eu nunca tinha vivenciado. O Léo (Silva) até comentou antes das cobranças e disse que eu pegaria duas. Depois, fui falar com ele e disse: ‘você não sabe de nada mesmo’. Feliz por poder viver mais uma noite inesquecível no Independência e classificar o Atlético na Sul-Americana, que é um campeonato que ganhou muita importância pra gente”, afirmou Victor.

A segunda defesa foi muito parecida com o pênalti que o camisa 1 pegou de Riascos, aos 48 minutos do segundo tempo, contra o Tijuana-MEX, na campanha vitoriosa da Copa Libertadores de 2013. No mesmo gol do Independência de seis anos atrás, Victor caiu para o lado, mas conseguiu defender a batida de Leyton com a perna esquerda.

“É verdade. Foi com a patente do Victor, mas essa acabou pegando no joelho”, comentou o goleiro.

Victor destacou ainda que as defesas nas cobranças de Walter Bou, Leyton e Larrondo foram frutos de muito trabalho. Ele dividiu os méritos com o preparador de goleiros Chiquinho. "Nada constrói melhor a confiança de um atleta do que a preparação. A gente procura treinar diariamente e essas defesas vieram para coroar esse trabalho que a gente procura desenvolver no dia a dia. Mérito também para o Chiquinho, que está sempre comigo", finalizou.

A decisão acabou indo para os pênaltis porque o Atlético devolveu a vitória por 1 a 0 do Unión La Calera, no Chile. O adversário nas oitavas de final será Botafogo ou Sol de América. Na ida, o time carioca ganhou por 1 a 0, no Paraguai - o duelo de volta será nesta quarta-feira, no Engenhão. 

Agora, o Atlético se prepara para o jogo de domingo, quando receberá o CSA, no Independência, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Com 12 pontos, o time está na vice-liderança.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link