Unimed Ago-Set Maxi Internas CPM

Notícias

Quase metade da bancada mineira está confusa sobre a reforma da Previdência

Por Alessandra Mendes e Larissa Arantes , 08/04/2019 às 07:02
atualizado em: 08/04/2019 às 13:57

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00

Na semana decisiva para o andamento da Reforma da Previdência na Câmara Federal, a Rádio Itatiaia voltou a ouvir os deputados da bancada mineira sobre a proposta que tramita na Casa. Rodeado de polêmica, o projeto, que já gerou até bate-boca entre parlamentares e o ministro da Economia, Paulo Guedes, está longe de ser consenso entre os representantes de Minas. Ouça aqui!

O número de deputados a favor chega a 16, enquanto *17 responderam que são contra. E ainda quase metade da bancada mineira permanece indefinida ou então não respondeu com relação ao questionamento feito pela Itatiaia.

Em levantamento realizado com os 53 parlamentares mineiros no final de fevereiro, ficou claro que os deputados ainda estavam bastante divididos com relação ao projeto, considerado fundamental pelo governo federal. Agora, a indefinição continua, entretanto, é possível identificar algumas mudanças entre os que são favoráveis ou contrários à proposta.

CONFIRA AQUI O PRIMEIRO LEVANTAMENTO!

A quantidade de deputados à favor da reforma, ou a favor com ressalvas, passou de 25% em fevereiro para 30%, os contrários passaram de 26% também para 30%. Os indefinidos também aumentaram, passando de 19% para 23%. Entre os que não responderam ou não foram localizados, o percentual caiu de 30% em fevereiro para 17% agora.

Em Minas, o retrato atual com relação à Reforma, apurado em levantamento feito pela Itatiaia, mostra o seguinte quadro:
 
A favor
Alê Silva (PSL)
Bilac Pinto (DEM)
Cabo Júnio Amaral (PSL)
Delegado Marcelo Freitas (PSL)
Enéias Reis (PSL)
Lucas Gonzales (NOVO)
Tiago Mitraud (NOVO)
 
A favor com ressalvas
Charlles Evangelista (PSL)
Dr. Frederico (PATRIOTA)  - defende correções por parte do Congresso - 
Eros Bondini (PROS)
Fábio Ramalho (MDB)
Greyce Elias (AVANTE)
Lafayette de Andrada (PRB) - texto precisa de alterações -
Luis Tibé (AVANTE)  - texto precisa de ajustes-
Paulo Abi-Ackel (PSDB)
Stefano Aguiar (PSD)
 
Contra
André Janones (AVANTE)
Áurea Carolina (PSOL)
Eduardo Barbosa (PSDB)
Júlio Delgado (PSB)
Leonardo Monteiro (PT)
Margarida Salomão (PT)
Mário Heringer (PDT)
Mauro Lopes (MDB)
Odair Cunha (PT)
Padre João (PT)
Patrus Ananias (PT)
Reginaldo Lopes (PT)
Rogério Correia (PT)
Subtenente Gonzaga (PDT)
Vilson da Fetaemg (PSB)
Zé Silva (SOLIDARIEDADE)

Indefinidos
Dimas Fabiano (PP) - não tem opinião formada ainda -
Domingos Sávio (PSDB) - vai se manifestar após mudanças como o BPC-
Emidinho Madeira (PSB) - ainda estuda a proposta -
Euclydes Pettersen (PSC) - sem opinião formada -
Fred Costa (PATRIOTA) - bancada ainda está discutindo -
Gilberto Abramo (PRB) - ainda discute com a bancada -
Igor Timo (PODEMOS) - ainda analisa o texto -
Léo Motta (PSL) - estuda o projeto -
Lincoln Portela (PR) - estuda o projeto -
Newton Cardoso Jr (MDB) - está estudando cuidadosamente o texto -
Rodrigo de Castro (PSDB)
Zé Vitor (PMN)
 
Não responderam ou não foram localizados
Aécio Neves (PSDB)
Diego Andrade (PSD)
Franco Cartafina (PHS)
Hercílio Coelho Diniz (MDB)
Marcelo Aro (PHS)
Misael Varella (PSD)
Paulo Guedes (PT)
Pinheirinho (PP)
*Weliton Prado (PROS)

Regras

Pelas regras regimentais, a Reforma da Previdência vai passar primeiro pela Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, que analisa se o texto fere algum princípio constitucional.  Em seguida, se a CCJ aprovar a constitucionalidade do texto, será criada uma comissão especial formada por deputados para discutir o mérito da proposta.

Se for aprovada pelo colegiado, a PEC segue para votação no plenário da Câmara, onde precisa de ao menos 308 dos 513 votos em dois turnos de votação.

*O deputado Weliton Prado (PROS), que não foi localizado inicialmente, informou à Itatiaia nesta segunda-feira ser contra a proposta.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Bolsonaro provoca presidente da OAB: 'Posso contar como o pai dele desapareceu' https://t.co/VL1QAuI1sI https://t.co/uO2itrIBJh

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link