Precon - Maxiboard - Internas

Notícias

Alarme falso sobre ameaça de míssil balístico deixa população do Havaí em pânico

Por Agência Estado, 13/01/2018 às 20:45

Texto:

Um alerta de emergência enviado aos moradores do Havaí neste sábado informando que um "míssil balístico" estava "a caminho" se tratava de um alarme falso, de acordo com autoridades da Agência de Gestão de Emergências local.

O alerta, que foi enviado para alguns celulares às 8:07 (horário do Havaí), afirmava "ameaça de míssil balístico em direção ao Havaí. Busque abrigo imediato. Isto não é um exercício."

A mensagem causou pânico imediato entre os moradores. Alguns alertaram que o estado poderia ser alvo de um ataque da Coreia do Norte contra os Estados Unidos, devido a localização das ilhas havaianas no Oceano Pacífico.

Às 8:45, uma segunda mensagem afirmava: "Não há ameaça de míssil ou perigo para o estado do Havaí. Repito. Alarme falso." A segunda mensagem não foi escrita em letras maiúsculas como a primeira.

Segundo residentes locais, além do alerta via celular, sirenes tocaram. O marido de Kim Quintano, que mora em Honolulu, a acordou após ver o alerta em seu celular. "Estávamos desorientados porque sabemos que não há para onde ir. Não há abrigos. Não há para onde ir ", disse ela. Seu marido pesquisou na internet e encontrou um tweet da deputada havaiana Tulsi Gabbard, dizendo que se tratava de um alarme falso. "Não consigo entender a demora de 40 minutos para enviar outro alerta informando que não havia mísseis", disse Quintano, preocupada com pessoas que não tinham acesso ao Twitter. "Quantos ataques cardíacos foram causados por isso?".

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Policiais civis mineiros envolvidos em tiroteio em Juiz de Fora há um mês são presos. - https://t.co/K3YoNMWDyc https://t.co/tJ9NEXxNIV

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    "...Devia ter acostumado com a coça que tomou aqui em Belo Horizonte”. Leia mais!

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Mais de 1,6 milhão de pessoas perdem a vida anualmente, vítimas da infecção. Leia mais!

    Acessar Link